Olá!

Conforme prometido, segue abaixo um teste simples, porém revelador sobre o que está por trás dos seus atos e pensamentos. Veja se consegue identificar algum padrão de auto-sabotagem nas suas respostas, e caso consiga, comece a trabalhar para mudá-los imediatamente! Auto-sabotagem definitivamente não é o caminho para concretizar os seus sonhos. Boa sorte!

  1. Você está em uma festa e acidentalmente derruba vinho vermelho em sua roupa e no carpete. Você:
    1. Sente-se estúpido(a) e envergonhado(a) e se esconde no banheiro.
    2. Começa a procurar alguma coisa pra limpar a mancha.
    3. Não para de pedir desculpas por ser tão desastrado(a).
  2. Você acaba de perder uma promoção no trabalho. Você:
    1. Fica frustrado(a)! Você nunca vai conseguir o que quer, parece que o mundo inteiro está contra você.
    2. Você não sente nada; você nunca imaginou conseguir essa promoção mesmo.
    3. Fica um pouco desapontado, mas sabe que alguma coisa melhor irá aparecer logo.
  3. Quando você compra algo caro, você:
    1. Sente-se estranho(a) e egoísta.
    2. Sente que merecia isso.
    3. Sente-se culpado(a), porque você sabe que só comprou isso para preencher um vazio interior.
  4. Quando alguém te dá um presente que você odeia, você:
    1. Troca por outra coisa, sem problema algum.
    2. Mantém o presente, para o caso de um dia quem te deu te perguntar sobre ele e pedir para vê-lo.
    3. Liga para um amigo e reclama, dizendo que você não acredita que te deram um presente tão horrível.
  5. Quando você comete um erro, a sua voz interior lhe diz:
    1. Eu poderia ter feito uma escolha melhor! Tudo bem, da próxima vez eu faço isso.
    2. Eu não acredito que eu sou tão idiota! Eu estou extremamente irritado(a) comigo mesmo(a) por ter feito isso.
    3. Aqui estou eu cometendo os mesmos erros mais uma vez.
  6. Quando um amigo passa dos limites com você, a sua reação é:
    1. Fica muito bravo(a) e briga com ele, exigindo que ele nunca mais faça isso.
    2. Simplesmente chama a atenção dele e explica que você não aceita isso.
    3. Não fala nada porque você não está a fim de começar uma briga.
  7. Quando alguém te elogia, você:
    1. Agradece amavelmente e se sente bem com você mesmo(a).
    2. Agradece se sentindo desconfortável, e muda de assunto.
    3. Diz que não concorda, e explica porque a pessoa está equivocada.

Resultados:

    1. Seus pensamentos estão te dizendo que seu ego se sente ameaçado com facilidade e você precisa começar a trabalhar a sua auto-estima. Você foge dos problemas ao invés de lidar com eles.
    2. Você é ótimo(a) em resolver problemas, e seus pensamentos irão te ajudar em conseguir o que você deseja.
    3. Pedir desculpas é uma boa maneira de dizer que foi um acidente, porém pedir desculpas em excesso é um indicador de que você assume muito mais responsabilidade sobre as coisas do que deveria. Seus pensamentos estão te fazendo se sentir mais culpado(a) do que deveria.
    1. Você deve mudar o seu modo de pensar agora! Quando seus pensamentos são negativos e você não tem uma boa base mental estruturada, seus pensamentos criarão essa base pra você, passando a atrair aquilo que você acredita (pensamentos positivos atraem coisas boas, pensamentos negativos atraem coisas ruins). Mantenha seus pensamentos positivos!
    2. Seus pensamentos te mantêm seguro(a). Porém, ficar na zona de segurança (zona de conforto), e não enfrentar riscos te deixarão estagnado(a). Comece a pensar em assumir alguns riscos na sua vida.
    3. Seus pensamentos estão no caminho certo. É normal se sentir um pouco desapontado(a), e é saudável tocar a bola pra frente à espera de uma próxima oportunidade.
    1. Pensamentos que te fazem sentir como se não merecesse as coisas irão te manter no “modo de culpa”. Comece a mudar esses pensamentos por pensamentos de merecimento.
    2. Seus pensamentos estão dizendo que você merece coisas legais. Ficar dentro do seu orçamento e se presentear uma vez ou outra é saudável e mantém o seu controle.
    3. Há boas e más notícias. A má notícia é que ter pensamentos de culpa, e se encher de coisas porque você “precisa” delas pode ser muito prejudicial e destrutivo. A boa notícia é que agora que você sabe disso, você pode começar a tomar alguma atitude imediatamente. Mude seus pensamentos para aqueles que te trazem uma sensação de autovalorização, e comece a pensar em como você pode  satisfazer as suas necessidades de maneira apropriada.
    1. Fazer o que você sente vontade e agir de maneira apropriada é saudável e inteligente. Por que fazer uma tempestade em copo d`água? Lide com a questão e siga em frente.
    2. Seus pensamentos estão te mantendo em um estado de medo. E se ele vir aqui e me pedir para mostrar o presente que me deu? Os “e se” da vida são muito limitantes. Liberte-se de seus pensamentos de medo e faça o que for melhor pra você.
    3. Seus pensamentos estão te mantendo em uma posição de vítima. Reclamar e sair contando seus infortúnios são ótimas maneiras de permanecer infeliz, e você pode ter certeza que você conseguirá muito mais… negatividade. Quebre o ciclo agora!
    1. Compreender que você cometeu um erro e não ficar se martirizando por isso é ótimo! Todos nós cometemos erros, e quando nós aprendemos com eles e intencionamos fazer melhor da próxima vez, nós ficamos mais sábios e mais experientes. Seus pensamentos estão no caminho certo.
    2. Se os seus pensamentos estão te punindo, você terá um longo caminho de aprendizagem a percorrer, e você não irá se aventurar em novas experiências novamente por medo de fracassar. Liberte-se desse tipo de pensamento e comece a trabalhar a sua auto-confiança.
    3. Seus pensamentos estão te impedindo de aprender com os seus erros passados, e você pode estar se auto-sentenciando um longo período de infelicidade. Observe e aprenda, isso torna a vida muito mais fácil.
    1. Você tem pensamentos de raiva e fúria. Essa não é necessariamente a melhor forma de resolver problemas. Você precisa descobrir por que tem tanta raiva e ressignificar esses sentimentos.
    2. Pensamentos que te ajudam a resolver problemas e a se comunicar de uma maneira calma e madura são a melhor opção. Você pode salvar amizades e ainda reforçar seus limites, garantindo-lhe felicidade e respeito dos outros.
    3. Seus pensamentos estão te afastando de lidar com o problema real. Você não gosta de confrontos, e espera que o problema simplesmente vá embora. Ao menos que você comece a pensar em métodos de resolução de problemas, ele não irá embora, somente ficará maior.
    1. Aceitar um elogio amavelmente significa que seus pensamentos estão te dando um senso equilibrado de auto-estima, humildade e ego. Continue assim!
    2. Seus pensamentos precisam melhorar um pouco. Eles estão dizendo “obrigado(a)”, o que significa que você acredita no elogio, porém mudar o assunto mostra que você não se sente confortável em receber atenção.
    3. Você é uma vítima auto-proclamada. Seus pensamentos te mantém nesse estado de vitimização. Esse não é o caminho para a felicidade. Mude esse padrão agora!

E aí, foi revelador ouvir “algumas verdades”? Todos nós até sabemos de alguns comportamentos auto-destrutivos que temos, porém mudar é tão difícil! Com a ajuda do TFT, você pode mudar a sua chavinha da “insatisfação pessoal” para “felicidade plena”. Quanto tempo mais você prefere se auto-punir antes de pedir ajuda?

Se gostou do teste, compartilhe com seus amigos! E deixe seu comentário!

Abraço,

Kátia Figueiredo

Teste adaptado de: http://www.streetdirectory.com/travel_guide/7746/self_improvement_and_motivation/quiz_on_your_thoughts.html

Existe alguma auto-sabotagem por trás dos seus pensamentos? Faça o teste!
Classificado como:                

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *